8 de agosto de 2008

Quero saber


Quero saber se rezas todas as vezes que sentes tremer na boca mais um verso. Quero saber se sentes as pernas febris e as queres deitar, por mim. Se queres saber a direcção dos jardins onde passeio o perfume do nosso corpo. Quero saber se acreditas que o meu amor se senta na fé do teu trono.