10 de outubro de 2008

Aniversário


Hoje, dia 10 de Outubro de 2008, faria 42 anos o meu querido irmão Manuel Bento. Vitima de um trágico acidente, em 1990, causado por um "colega" que se revelou um verme covarde sem escrúpulos nem carácter, a sua presença perdura em mim como se ele nunca tivesse partido, naquela noite que se tornaria escura. A dor passou. Ainda passa. A justiça que devia ter sido feita pela  justiça, e que não foi,  deixei-a – na mão de Deus. 

Querido irmão. Como me lembro de ti, de nós. De todos. Lembras-te daquele Natal em 72, tão feliz, na escola João de Deus? Os três manos, rapazes, com as camisolas iguais, como gostávamos de andar. E tu, o mais pequeno sempre no nosso meio! Ainda hoje te faço cócegas, te irrito e te acho quase igual a mim. Vem para o pé de mim, Manelzinho. Aqui. Onde eu estou. Onde estás sempre.