19 de fevereiro de 2009

Lá está o primeiro chavão


A Comissão Nacional para a Comemoração do Centenário da República lançou ontem um spot e um site. Na cerimónia, o presidente da comissão, o banqueiro Artur Santos Silva, por quem nutro admiração, disse que não se vai mencionar a "monarquia" porque "em Portugal o regime não se discute". Disse bem. Não se discute! Isto leva-me a pensar que o Dr. crê no que diz e fala com a cassete-inconsciente no automático. 
De facto esta frase é um dos motes que ecoam, azedos, desde 1910. Vamos lá a repetir: A REPÚBLICA IMPÕE. A REPÚBLICA IMPÕEM-SE.

Sem comentários: