4 de junho de 2009

O sinal


Por terras do "Combustões", faleceu aos 72 anos David Carradine actor de uma das séries da minha infância. Tenho pena. Há muito que não assistia a um filme deste actor. Mas basta-me a eterna recordação do "Kung Fu", da sua jovem-sabedoria, do contraste que o personagem me incutia entre a força, a razão e o "espírito". Era outro tipo de história, de herói, sem a cultura do combate eminente, como hoje se cultiva, sem "armas voadoras", caminhante, viajante em diálogo com os homens e o mundo, as suas diferenças. "Kwai Chang Caine" tinha muito para me cativar, na forma como eu (na puberdade) desejava "crescer". 

Conjectura-se que este actor se suicidou! O sinal "deste mundo" foi mais forte que "o sinal do dragão".


Sem comentários: