14 de julho de 2009

Obituário


Mais um "resistente". Faleceu Palma Inácio. Lembro-me de um dia ver o meu saudoso avô a falar com este personagem num conhecido hotel no Luso, já vai para muitos anos. Em minha casa pouco se falava de política e quando se falava era mais sobre a vergonha em que Portugal se ia tornando, face a tanta modernidade. Sei quem foi este homem. Nunca me cativou pela prosa ou pelo estilo. Pelos jornais e tv's dizem-nos que foi um grande Anti-Fascista (Ah!, estatuto que supera na emoção qualquer Honoris Causa), enaltecem um sequestro de um avião e o assalto a 1 (?) banco. Só isto? Quão grande precisa de ser a resistência para palmar outros dítares e outros valores? Palma Inácio não foi isso nem foi aquilo que agora querem que seja; mas que a sua alma não tenha dúvidas que vai ser mais um para a grande Galeria dos Anti-Fascistas! E nisso este país dá cartas, historietas e medalhetas.

Sem comentários: