9 de março de 2010

O Poder do Verbo e o Verbo do Poder*


Quando o Papa João Paulo II morreu deixou um último pedido. O seu caixão sem ornamentos ou ostentação devia ser pousado na chão da praça do Vaticano e sob ele deviam ser colocados os Evangelhos.
E assim foi feito. Este pedido não se confinou a uma mensagem de simplicidade e de retorno ao solo de onde rezou com milhões de fiéis, simbolizou o retornar à essência do "Verbo" que é luz de todas as coisas. E o vento, brisa, soprou e foi abrindo o livro sagrado, que permaneceu sobre o caixão, folheando o poder do Verbo que se elevou, e sempre se eleva, pelo Verbo do Poder.


*Título da conferência dada por Adriano Moreira na Faculdade de Teologia / Univ. Católica do Porto, 08 de Fevereiro de 2010

Sem comentários: