31 de agosto de 2011

E recordar é viver



1 comentário:

George Sand disse...

De bestial a Besta. Muito bom João!