30 de janeiro de 2012

A parentela


A "Casa Civil" da Presidência veio sossegar os jornalistas e dizer que não há problemas nem litígios com o governo de Passos Coelho. Mas tanto obséquio porquê? Porque tem a Presidência que prestar contas do seu estado de alma à governança? E porque é assim tão importante a consonância? A Presidência deve fazer o que lhe compete e a governação idem, idem. Convém os cidadãos saberem que a representação do regime e a governação não são um casal, amantes ou namorados. São o que são e devem fazer para o que foram paridos. Coisa que pelos vistos a República ainda não sabe, é mesmo coisa de uma desnudada abusada! Ainda por cima é órfã, abastardada.

Sem comentários: