9 de janeiro de 2012

Vamos pagar

Estive hoje no Douro em trabalho. Dos 101 Km, 70 dos quais em auto-estrada, destes, 17 Km são numa só faixa devido a obras de repavimentação e outros 10 são numa auto-pista toda cortada e cheia de estrias de cimento. Quando os nossos milhares de Km de asfalto e cimento começarem a rebentar e a necessitar de manutenção não vai haver aumento de impostos que sustente o piso nacional. Somos um país dividido e martirizado pelo alcatrão e dentro de pouco tempo os cidadãos não vão ter dinheiro para viajar sob tanta portagem. Vamos pagar por termos ficado calados enquanto falavam os cérebros betonados dos políticos que sorriam para nós a abrir estradas para o futuro: o "futuro" que agora vivemos...

Sem comentários: