27 de agosto de 2012

Pensamentos


Publicado há 16 anos, o estudo "Para a compreensão do Pensamento Contra-Revolucionário: Alfredo Pimenta, António Sardinha, Charles Maurras, Salazar", de António José de Brito, revela-se, cada vez mais, um raro plano de independência intelectual, contradizente do pensamento "pronto-a-vestir" que inunda a opinião generalizada. O estudo do pensamento político dos quatro personagens completa-se com recensões críticas a textos de D. Duarte de Bragança. Para lá da tendência ideológica de cada leitor, o estudo emerge de uma importância significativa por expôr a nú os preconceitos mentais sobre a "direita", não se inibindo a um paralelo com outros pensamentos de cariz "popular" tão bem aceites pela generalidade dos distraídos, essa massa que sabe tão bem "parir pelos ouvidos", factor que, neste caso, não se adequa, visto a fruição da obra ter de ser feita bem pelo cérebro.


Sem comentários: