9 de janeiro de 2013

Glória, Glória, A.. raújo


Diz-se, dizem, dizem-nos que os políticos devem dar o exemplo. Diz-se, dizem, dizem-nos que os políticos também são seres humanos como nós! Para a Deputada Glória... Araújo, fiel socialista e do Socialismo, de dedinho apontador aos casos pouco éticos dos políticos (Relvas, Relvas, BadaGlória à vista!), membro da Comissão para a Ética, a Cidadania e a Comunicação, a pressão é muita e 2,4 gr/L álcool no sangue será pouco face ao engarrafamento em que o país se encontra. 



2 comentários:

Paulo Cunha Porto disse...

Meu Caro João, guiar com tanta alcoolémia, é criminoso, nem comportando a atenuante do aniversário. Mas suspeito os Colegas da Par(a)lamentar de estarem em identico estado na via rápida para o Fim que é cada votação no casarão de S. Bento.

Abraço

João Amorim disse...

caro Paulo

Não é, tanto, o acto de beber, que segundo alguns dizem tem a haver com o "peso", é o facto de se criticar comportamentos em assembleia pública (a menina é das mais críticas ao Relvas) e depois dar nisto: uma infracção descarada à lei. Há taxis e táxis e licenciaturas e licenciaturas...