19 de setembro de 2013

A escultura de um regicída regada com a sua acidez


Coitado do Aquilino, coitadinha da sua imagem, os olhos embebecem, o país já não aguenta mais disto. No outro dia foi a estátua do Cónego Melo mas essa já não faz mal vandalizar; tem menos valor escultórico! Tantos a chorar pelo Aquilino, que foi "grande" apenas pelo que escreveu na ignomínia da nossa história ao participar no assassinato do chefe de estado, D. Carlos. Sobre isso é triste ninguém se sentir "muito incomodado" com a situação.... nem uma suave palavra dos "centros de estudos" ou das seitas intelectuais da laica repúbli-caniche. Não chorem, é apenas uma escultura, a escultura de um regicída regada com a sua acidez.

1 comentário:

RCB disse...

É VERGONHOSO que um activo participante no criminoso REGICIDIO (de um pai de familia, de um cientista oceanografico, de um pintor, de um patriota, ... e de um REI) esteja no panteão nacional. É VERGONHOSO que se façam sistematicas invocaçoes deste criminoso, como exemplo. O unico exemplo, é ter sido escritor da lingua portuguesa, porque o MAIOR PORTUGUES DO SECULO XX SERA SEMPRE AOS, foi assim decidido por Portugueses do século e no século XX.